Arquivo da tag: Soweto

África do Sul – Joanesburgo

O continente mais selvagem da terra! Essa frase resume bem o que é a África, porém o intuito dessa viagem além de realizar o sonho de fazer um safári era de conhecer o povo mais feliz da terra. Mas como assim Izac? Povo mais feliz? E a pobreza? As doenças? E a fome? Os africanos são um exemplo para todos nós, porque apesar de todos esses problemas, sempre estão com um sorriso no rosto e são gratos pelo pouco que tem. Com certeza, essa viagem me deixou mais humilde e mais humano, e começo a contar um pouquinho dela nesse post.

Ter a África como destino já estava em meus planos a muito tempo, e foi em outubro do ano passado que decidi tirar do papel e por em prática. Peguei um voo de São Paulo até a capital da África do Sul, Joanesburgo que foi minha cidade base no país. É um voo noturno, mas confesso que a ansiedade de chegar não me deixou dormir direito :/ . Chegando na cidade, havia um rapaz me aguardando no aeroporto, contratei um transfer com o hostel em que fiquei hospedado. Eu tinha a tarde livre e decidi de última hora contratar o tour do Soweto, bairro onde morava Nelson Mandela um dos sul-africanos mais importantes e símbolo da resistência do Apartheid (Movimento de segregação racial implantado na África do Sul em 1948 em que separavam brancos e negros).

Todos os meus tours foram realizados pela MoAfrika Tours agência qualificada e com excelentes profissionais.

A primeira parada foi no Soccer City estádio da final da copa de 2010. Chegando lá foi impossível não lembrar das “vuvuzelas”, até brinquei com meu guia, ele comentou que são usadas até hoje nos jogos do campeonato local, e que os sul-africanos são apaixonados por futebol.

Soccer City Stadium

Soccer City Stadium

Seguimos então até Orlando Towers que são símbolo do Soweto. As torres eram de uma central elétrica, hoje desativada, que serviu por 50 anos fornecendo energia para parte da cidade. Hoje o ponto turístico é usado para pular de Bungee Jump.

Orlando Towers

Orlando Towers

Seguimos então para parte mais pobre do bairro e apesar de ficar tocado com as condições precárias que as pessoas vivem, foi aí que vi de perto a receptividade e a alegria do povo africano. As casas são feitas de pedaços de metal, as dimensões são minusculas e na maioria delas, vivem famílias de até 5 pessoas. Mas sabe com que eu fiquei mais impressionado? Apesar de não ter nada para nos oferecer, os locais nos convidavam para entrar nas casas, sentar, conversar. Víamos nos olhos deles a alegria de poder receber alguém em suas casas. Eu confesso que chorei, não tem como não se emocionar vendo tudo aquilo de perto, a vontade é de por todos em uma caixinha e trazer para casa.

Soweto

Lembrei que havia deixado umas balas e chocolates na mochila no carro, fui correndo buscar e dei para as crianças. Nossa, ver o sorriso no rosto deles foi algo mágico! Uma coisa tão simples para nós, a qual muitas vezes nem damos valor, e para eles é algo grande, ter coisas diferentes para comer. Um aprendizado!

Ao retornar para a van, havia um grupo de crianças e os chamei para fazer um vídeo dizendo “Oi pro Brasil”, com certeza um dos vídeos mais legais de minhas viagens. Mais uma vez a alegria e a pureza dessas crianças me deixaram com vontade de trazer todas pra casa!!

Crianças do Soweto

Antes de retornar para o hotel, ainda passamos na casa onde Mandela morava e paramos para comprar algumas lembrancinhas 😀 Tive uma merecida noite de sono e no dia seguinte a aventura iniciava em solo africano, mas isso fica para o próximo post 😉