#México – Teotihuacan – Astecas

Chegou um dos dias mais esperados da viagem, e olha que era apenas o segundo dia no México!!! Acordamos cedo, fomos tomar café nas barraquinhas de rua e provei outra comida deliciosa do México: Os tamales.

Snapchat-308404360
Café da Manhã mexicano

Os tamales são deliciosos, lembram um pouco a pamonha brasileira pois são feitos a base de milho e cozidos a vapor, tomei um copo de “atole” para acompanhar, é uma espécie de leite com baunilha e milho que confesso que achei delicioso. Lembra o gosto do leite de canjica brasileiro. Também conheci o irmão do Benito, o Marco outra pessoa incrível. Esses caras juntamente com a Areli fizeram de meus dias em Cidade do México inesquecíveis #GraciasAmigos.

P_20170902_082307_1_BF_p
Marco e Benito, Mis Amigos

Bom seguimos viagem rumo a Teotihuacan, mas antes de chegarmos as ruínas paramos num desses restaurantes de estrada especializados em tacos. Cara que lugar, infinitas opções de sabores de tacos, uma melhor que a outra. Almoçamos por ali e seguimos ao centro arqueológico.

P_20170902_100516
Monte seu Taco 😛

Chegamos a Teotihuacan próximo ao meio dia, estacionamos o carro, compramos as entradas e fomos rumo as Pirâmides. Emoção enorme ao estar pisando nesse solo onde os Astecas reinaram por centenas de anos, e construíram essas pirâmides gigantescas a quase 2000 anos provavelmente com ajuda de extraterrestres hahaha. Sério, é só indo lá para ter noção do quão grandiosas e espetaculares essas construções são. E o mais espetacular é que elas sobreviveram à aproximadamente 2 milênios e estão praticamente intactas.

O complexo arqueológico de Teotihuacan é imenso, e conta com 3 pirâmides principais: Pirâmide de la Luna, Pirâmide del Sol e Pirâmide de Quetzacoatl, além da calzada de los muertos, onde os astecas acreditavam que as almas de seus antepassados passavam antes do pós vida. Claro que subi em todas as pirâmides que eram permitidas né? São muuuuuitas escadas, mas para quem aguentou subir ao topo do Vinicunca foi moleza!

Chegando ao topo da pirâmide do sol a energia é sem igual e a sensação é inexplicável.

Após descer da primeira pirâmide, seguimos até a pirâmide da lua de onde se tem uma vista incrível de todo o sítio arqueológico.

ice_2017-09-02-14-55-48-240
Teotihuacan Piramide de la Luna

A visita à Teotihuacan é um pouco demorada, pois há que caminhar muito entre uma pirâmide e outra, por isso reserve um dia somente para esse passeio. O calor estava matando e eu havia esquecido do eu protetor solar na mochila grande, claro que me queimei um pouco mas valeu a pena. Outra dica, leve água, muuuita água!! Fomos então conhecer a última pirâmide após caminhar por toda a calzada de los muertos. A pirâmide de Quetzalcoatl é como a cereja do bolo, é incrível como os desenhos esculpidos a milhares de anos pelos astecas ainda estão intactos. Várias cabeças representando a serpente Kulkukan ou serpente emplumada.

Mais algumas imagens da zona arqueológica:

Após encerrar o passeio, fomos comer novamente (Sim, os mexicanos comem bastante e eu também hahaha) Provei as enchiladas (Uma espécie de panqueca cujo a massa é feita com pimenta), essa confesso que não gostei muito, mas tudo é experiência. Outro fato curioso é que os mexicanos põe limão e sal na cerveja, eu não consegui provar porque achei estranho, mas me falaram que é bom hahaha. Seguimos então em direção a Toluca, para aproveitar um pouco a noite da cidade. Chegamos as 20 horas em Toluca e adivinha? Fomos comer haha, provei os churros mexicanos, aqueles mesmo que a Dona Florinda fazia no seriado Chaves, são uma delícia!!! Enfim, fomos para casa porque no dia seguinte eu viajava cedo rumo ao outro extremo do país. Caribe!!!!

Anúncios